Vivemos em uma realidade onde estamos cada vez mais expostos. Os limites da privacidade estão cada vez menores. E o pior: nós que nos expomos. A internet e, principalmente, as redes sociais são campos propício para que isso aconteça. Basta pesquisar o seu nome no Google, que perceberá o quão fácil é conseguir os nossos dados e informações. Será que isso é bom?

Essa questão dos limites da privacidade é algo que vem sendo debatido há um bom tempo. Contra ou a favor, o certo é que esse fluxo pode ser administrado e controlado. Por exemplo, existe o Privacyfix, um recurso que permite que você confira e altere as suas configurações de privacidade tanto do Google quanto do Facebook. Ele está disponível tanto para o Google Chrome quanto para o Mozilla Firefox, basta baixar uma extensão e, em poucos minutos, ele lhe informará quais as suas informações estão sendo monitoradas.

A seguir, ele lhe direcionará a várias páginas onde é possível alterar as configurações. Além disso, ele informa o quanto o Google lucra com anúncios usando os seus dados, por exemplo.

Mesmo pedindo várias informações sobre você, eles garantem que não as utilizam em proveito próprio e nem arquiva endereços de IP ou histórico de navegação.

Então, o que achou? É uma excelente pedida parta quem vive na paranoia da exposição ou mesmo como uma forma de ter conhecimento do que o mundo sabe sobre você.  Se quiser saber mais, confira o vídeo abaixo.