Já imaginou possuir uma internet que possa atingir 3 terabits por segundo? Pois é isso o que três pesquisadores da Universidade de Oxford estão procurando conseguir.

Essa tecnologia que está sendo trabalhada é a partir de Li-Fi, que é um sistema de transmissão de dados por meio de luzes de LED. É o que muitos estão apontando como o sucessor do Wi-Fi, pois oferece velocidades muito superiores e com um custo menor.

O projeto ainda se encontra em fase de desenvolvimento, porém já encontra algumas limitações. Por exemplo, a impossibilidade de atravessar paredes, já que usa a luz como meio de transmissão de dados. Inclusive, fato que dificultaria o seu uso em escritórios e residências.

Agora só nos resta e aguardar que essa tecnologia se desenvolva e chegue até nós.