Quando acabamos de fazer uma pesquisa ou alguma tarefa, normalmente desligamos o WiFi do nosso smartphone, não é? Afinal, para que deixa-lo ligado? Bem, em algumas situações podem ser benéficas:  por exemplo, ele pode substituir o GPS. A localização não é muito eficiente, mas é bem melhor em locais fechados, onde o GPS costuma falhar. Além disso, ele fica em modo de espera quando não encontra uma rede. Quando encontra, ele desativa a conexão de dados do seu aparelho, economizando mais bateria. Ainda falando sobre isso, ele não consome tanta bateria como antigamente. Em fato, a conexão de dados gasta bem mais nos aparelhos mais modernos.

Em conta partida, há o problema de o WiFi ser mais inseguro que conexão de dados da sua operadora. Sem contar que os roteadores possuem um ou dois níveis de segurança. E, se você não possui vários pontos de acesso durante o dia, usá-lo ao invés do 3G/4G pode ser desvantajoso em questões de bateria.